• Slideshow
  • Slideshow
  • Slideshow
  • Slideshow
  • Slideshow
  • Slideshow
  • Slideshow
  • Slideshow

Conselho Regional de Biologia - 4a Região

Conselho Regional de Biologia - 4a Região

Procura

Banner

e-Bio

Deixe seu e-mail para receber o e-Bio, a newsletter eletrônica semanal do CRBio-04.
Banner
Principal Notícias Realizado o Papo com Biólogo sobre análises clínicas
Realizado o Papo com Biólogo sobre análises clínicas PDF Imprimir E-mail
Qua, 12 de Dezembro de 2018 09:28
Partilhar no FacebookPartilhar no Twitter
Foi realizada na noite desta terça-feira, 11/12, a última edição 2018 do Papo com Biólogo, que discutiu o tema "Atuação dos biólogos em análises clínicas".

Para palestrar foi convidado o biólogo Roberto Mauro Ferreira Silva, que atua no setor de Controle de Qualidade na Fundação Hemominas. O profissional detalhou a rotina e as principais técnicas aplicadas no setor de hemoterapia da Fundação, que somente em 2017 foi responsável pela produção de 797 mil hemocomponentes. 


Ao abordar a atuação do biólogo nesta área, Roberto explicou como as análises clínicas são uma área de sombreamento da Biologia com diversas outras profissões, mas que o biólogo encontra respaldo técnico e legal para sua atuação. "A Resolução CFBio 12/93 estabelece os requisitos para a concessão do Termo de Responsabilidade Técnica aos biólogos. São nove disciplinas básicas de graduação que o profissional deve ter cursado, mas meu conselho é que quem deseja atuar nesta área busque um algo a mais, que será o diferencial na hora de conquistar seu espaço". 

Roberto ainda trouxe aos participantes um pouco da sua própria trajetória profissional, que se iniciou com estágios em laboratórios durante a graduação e passou pelo trabalho em um laboratório no interior do estado, antes do concurso para a Fundação Hemominas. "Para quem realmente tem interesse em atuar com análises clínicas, buscar um curso de pós-graduação lato sensu para aprofundamento das disciplinas da graduação é primordial", complementou. 

Questionado sobre o mercado de trabalho, Roberto relatou que já viu colegas não serem aceitos em laboratórios por serem biólogos, mas que essa realidade está mudando e que isso decorre, muitas vezes, de simples desconhecimento do contratante. "Cabe também ao biólogo se posicionar e demonstrar que há dispositivos legais que o permitem exercer aquela função. Inclusive, por sua formação mais generalista, o biólogo se destaca frente a outros profissionais por sua visão mais abrangente, por conseguir buscar soluções onde ninguém mais está vendo", pontuou. 


O vídeo da transmissão simultânea do evento está disponível na página do CRBio-04 no Facebook e pode ser assistido aqui: https://bit.ly/2ruIhoA. Em breve a gravação completa (com melhor qualidade de áudio e vídeo) estará disponível no canal do Conselho no YouTube, onde são disponibilizadas todas as edições anteriores do Papo com Biólogo na íntegra.